Frutas » Naturais Figo da Índia

13 Benefícios do Figo da Índia – Para que serve e Propriedades

[Figo da Índia]
Fonte: Mundo Boa Forma

Obtido de um cacto, o figo da Índia é muito usado por suas propriedades medicinais e tem conquistado cada vez mais popularidade por causa dos seus benefícios para a saúde.

Além de seu sabor delicioso que lembra o gosto de frutas como a melancia e a framboesa, o figo da Índia é muito utilizado para auxiliar no controle dos níveis de açúcar do sangue, na redução do colesterol e na diminuição da absorção de açúcar e colesterol no estômago e no intestino.

Aqui, você vai encontrar todas as informações que busca sobre o figo da Índia, incluindo suas propriedades e diversos benefícios para o organismo.

Figo da Índia

O figo da Índia, conhecido cientificamente pelo nome Opuntia fícus-indica, é um fruto nativo das Américas encontrado no México, nos Estados Unidos e em alguns países da América do Sul. Hoje em dia, ele já se espalharou e pode ser cultivado em locais como o Egito, o Marrocos, o Oriente Médio e a Europa.

Na verdade, existem mais de 200 espécies diferentes de frutos originados de cactos espalhadas pela América do Norte e América do Sul. Porém, nem todas as variedades são comestíveis e a mais comumente utilizada para fins culinários é a Opuntia fícus-indica.

Esse fruto cresce na borda das folhas e espinhos dos cactos chamados de Nopales ou Opuntia. Tais cactos são um dos mais resistentes do mundo todo, bem como a fruta gerada através dele.

Geralmente, os frutos são ovais e a cor pode variar de amarelo e verde claro a laranja, rosa ou vermelho. A cor vai depender da variedade da fruta e do quão ela está madura.

Para que serve

O figo da Índia é utilizado há muito tempo como um meio de medicina alternativa para tratar problemas de saúde como doenças inflamatórias, problemas gastrointestinais, diabetes e colesterol alto, além de fortalecer o sistema imunológico para evitar o desenvolvimento de outras condições de saúde.

Rico em nutrientes, vitaminas, minerais e fibras alimentares incluindo aminoácidos, magnésio, compostos antioxidantes, ferro, potássio, cálcio, betacaroteno e vitaminas C e B, o figo da Índia pode ser uma ótima adição à sua dieta, já que a fruta também apresenta baixo teor de gordura, sendo muito boa para pessoas obesas ou que sofrem de doenças cardíacas.

Propriedades

As propriedades benéficas do figo da Índia têm total relação com a sua composição riquíssima em nutrientes. A fruta apresenta altos níveis de vitaminas e minerais como a vitamina C, a vitamina E, as vitaminas do complexo B, o potássio, o cálcio, o zinco, o ferro, o magnésio, o fósforo e o cobre. O fruto também é uma ótima fonte de fibra alimentar e de compostos como flavonoides, betalaínas e polifenóis.

A presença desses componentes permite que o figo da Índia apresente propriedades anti-inflamatórias e antioxidantes.

Outros benefícios do fruto e a influência de suas propriedades na saúde humana são mostrados com mais detalhes a seguir.

Benefícios do figo da Índia

1. Ação antioxidante

Tanto os caules quanto os frutos da Opuntia fícus-indica apresentam 8 tipos de flavonoides com efeitos antioxidantes. Eles também contêm um alto teor de vitamina C. Segundo uma pesquisa de 2004 publicada no periódico Journal of Clinical Nutrition, o fruto é capaz não só de reduzir o dano oxidativo aos lipídios como de diminuir o estresse oxidativo no corpo.

Antioxidantes, de uma forma geral, contribuem para a proteção da saúde da pele, para a prevenção contra o envelhecimento precoce, para melhorar a saúde ocular e prevenir a degeneração macular e para melhorar algumas funções cerebrais como a atividade cognitiva.

O combate aos radicais livres que causam degeneração de células cerebrais protege o cérebro contra o surgimento de várias doenças neurodegenerativas, assim como a presença de betacaroteno e tocoferol ajuda a manter a pele e os olhos saudáveis.

O efeito antioxidante também parece proteger o fígado da ação de radicais livres e do estresse oxidativo causado por toxinas no órgão.

2. Anti-inflamatório

De acordo com um estudo coreano publicado na revista científica Archives of Pharmacal Research, extratos etanólicos dos frutos e dos caules do cacto que dá origem ao figo da Índia foram capazes de suprimir edemas em patas de animais de laboratório e puderam inibir um mecanismo muito importante no desenvolvimento de doenças inflamatórias, que é a migração de leucócitos pelo organismo.

Na medicina tradicional, a própria fruta era esmagada para ser aplicada de forma tópica em feridas inflamadas na pele. Algumas pessoas usam o fruto para reduzir a inflamação em condições como a artrite, a gota ou a dor muscular. Também existem relatos de que o uso tópico é útil para aliviar o inchaço relacionado a picadas de insetos.

3. Aumento da imunidade

Segundo pesquisa publicada no periódico American Journal of Clinical Nutrition, comer figo da Índia ajuda a remover toxinas e a promover a atividade antioxidante por causa dos seus altos níveis de vitaminas C e E, que apresentam um ótimo efeito antioxidante.

A vitamina C e sua ação antioxidante ajudam a fortalecer o sistema imunológico e a estimular a produção de glóbulos brancos. Ela também é muito útil em diversos processos enzimáticos e metabólicos, incluindo a síntese de tecido óssea e massa muscular.

4. Redução do colesterol LDL

Estudos desenvolvidos nos EUA cujos resultados foram publicados no periódico científico Journal of Nutrition mostram que a pectina presente no fruto reduz a concentração de LDL – o colesterol ruim – no sangue, resultando em uma queda de até 28% em relação aos níveis de colesterol total.

Segundo estudo publicado em 2014 no periódico Biochemical and Biophysical Research Communications, alguns fitoesterois presentes no extrato da semente da fruta podem alterar de forma positiva o metabolismo do colesterol no organismo.

Os pesquisadores também concluíram que os animais alimentados com figo da Índia cru apresentavam menor ganho de peso e uma diminuição de 34% nos níveis de colesterol do tipo LDL.

5. Fortalecimento dos ossos e dos dentes

Conforme dados de estudo publicado no periódico Food & Nutrition em 2013, o cálcio abundante no figo da Índia é indispensável na formação do tecido ósseo. Ao fornecer uma boa dose de cálcio diária através do consumo da fruta, é possível preservar e fortalecer a saúde dos dentes e dos ossos e, inclusive, evitar o desenvolvimento de doenças como a osteoporose.

6. Boa fonte de micronutrientes

Diversos micronutrientes essenciais podem ser encontrados no figo da Índia, tais como o ácido fólico, a vitamina C, a vitamina B6, a vitamina B2, a vitamina B3, o ferro, o cálcio, o potássio e o magnésio.

A ingestão frequente dessa fruta é capaz de fornecer ao organismo quantidades suficientes para que os processos fisiológicos e metabólicos funcionem plenamente.

7. Controle da diabetes

Há muito tempo, o figo da Índia vem sendo estudado sobre seu potencial efeito na regulação nos níveis de açúcar no sangue. Estudos mostram que extratos do cacto que produz o fruto causam uma redução em quase 18% nos níveis de glicose sanguíneos.

Outra pesquisa americana também mostra que a adição do fruto em refeições tradicionais de pacientes diabéticos do tipo 2 com alto teor de carboidratos induz uma redução na concentração de glicose logo após a refeição.

Diversos outros estudos feitos em ratos diabéticos – como o publicado em 2014 no periódico científico Pharmaceutical Biology – mostraram uma redução nos níveis de glicose sanguíneos devido a redução da absorção intestinal de glicose por causa do alto teor de pectina no fruto.

8. Redução das ressacas

Especialistas acreditam que o efeito anti-inflamatório do figo da Índia ajuda a reduzir os efeitos da ressaca. Tomar um suco da fruta ou a própria fruta reduz a produção de substâncias inflamatórias liberadas durante a ressaca, diminuindo assim o desconforto associado à condição.

Segundo estudo de 2004 publicado no Archives of Internal Medicine, sintomas como boca seca e náuseas também são reduzidos.

9. Bom para a digestão

O figo da Índia tem um nível alto de fibras dietéticas, e assim como a maioria das frutas e vegetais, ajuda a regular a digestão.

O consumo diário de figo da Índia ajuda a comida a passar pelo aparelho digestivo de uma forma mais simplificada e regula a produção de muco gástrico, evitando problemas como a constipação, a distensão abdominal e as úlceras gástricas.

10. Anticâncer

Segundo um estudo publicado em 2004 na revista American Journal of Clinical Nutrition, o figo da Índia e seus altos níveis de flavonoides, betalaínas e polifenóis atuam como compostos antioxidantes que neutralizam o efeito prejudicial dos radicais livres contra as células saudáveis, evitando assim a ocorrência de mutações que podem levar ao câncer.

Um estudo publicado em 2005 no periódico Nutrition Journal mostrou que o crescimento de células cancerígenas em modelos in vitro e em ratos foi inibido por compostos flavonoides presente no figo da Índia. Esses compostos também causaram a morte celular dessas células doentes quando concentrações altas de figo foram utilizadas.

Alguns testes conduzidos na University of Arizona nos EUA, sugerem que as substâncias do fruto ajudam a suprimir o crescimento de tumores já existentes. Porém, mais estudos são necessários para entender melhor o mecanismo pelo qual isso ocorre.

11. Saúde do coração

A contribuição do figo da Índia para a redução dos níveis de colesterol do tipo LDL ajuda a contribuir para preservar a saúde do coração. Estudos mostram que a redução do LDL tem a ver com a presença da fibra pectina.

O alto teor de potássio também auxilia no controle da pressão arterial sanguínea, o que deixa os vasos sanguíneos mais relaxados e reduz o estresse sobre o sistema cardiovascular.

As betalaínas, por sua vez, atuam reforçando as paredes dos vasos sanguíneos, diminuindo o risco de problemas nessas estruturas tão importantes para manter o fluxo de sangue adequado.

Dessa forma, o fruto pode ajudar a manter a saúde do órgão e a prevenir problemas como a aterosclerose, o acidente vascular cerebral e as doenças cardíacas coronárias.

12. Perda de peso

O consumo isolado da fruta não se traduz em perda de peso, mas em um contexto de uma alimentação hipocalórica e saudável aliada à prática regular de atividades físicas, a fruta pode ser uma boa aliada. A alta densidade de fibras e nutrientes e o baixo teor calórico do fruto ajudam o corpo a consumir bons nutrientes sem adicionar muitas calorias à dieta.

Além disso, as fibras presentes no fruto dão uma sensação de saciedade que evitam que a pessoa se alimente de forma compulsiva. Também se acredita que a fruta é capaz de auxiliar na eliminação de gordura corporal.

13. Proteção do fígado

O consumo de figo da Índia ajuda a proteger a saúde do fígado devido ao alto teor de substâncias antioxidantes que reduzem o estresse oxidativo no órgão causado muitas vezes por uma dieta inadequada e por hábitos diários pouco saudáveis.

De acordo com estudo de 2014 publicado na revista científica World Journal of Gastroenterology, o figo da Índia é capaz de combater os radicais livres através do aumento da atividade antioxidante no organismo.

Outros benefícios

O figo da Índia também parece ser interessante para evitar o envelhecimento precoce e manter a pele saudável devido à presença de vitamina K e de vitamina E em sua composição. A fruta também contém ácidos graxos com propriedades hidratantes e nutritivas que também ajudam na nutrir os cabelos e as unhas.

Um estudo publicado em 2004 no periódico American Journal of Clinical Nutrition sugere que o figo da Índia pode aliviar sintomas da tensão pré-menstrual (TPM) devido à inibição de prostaglandinas que tendem a aumentar durante esse período.

Segundo publicação de 2014 na revista científica Journal of Nutrition, o fruto é capaz de reduzir inflamações crônicas como a enxaqueca graças aos seus compostos anti-inflamatórios, diminuindo assim a frequência e a intensidade da dor.

Dicas de consumo

O figo da Índia pode ser consumido cru ou seco na forma de fruta. O fruto também pode ser ingerido cozido ou grelhado e utilizado em diversas receitas para preparar sucos, geleias e doces.

Antes de consumir, é importante remover a casca para garantir que todos os espinhos remanescentes do cacto que lhe deu origem foram removidos por completo. A ingestão acidental de espinhos pode causar feridas nos lábios, na gengiva ou na garganta.

A ingestão frequente dessa fruta dentro de um plano alimentar equilibrado pode oferecer muitos nutrientes que irão fortalecer o sistema imunológico e ajudar no combate e na prevenção de diversas doenças.

O produto Figo da Índia

Não possui seus valores informados na tabela nutricional da TACO.