Mercearia » Diversos Cogumelo Shimeji

Cogumelo Shimeji e seus Benefícios.

[Cogumelo Shimeji]
Fonte: Ativo Saúde

A produção de cogumelos cresce a cada ano no Brasil e ainda conquista espaço para versões frescas, como o shimeji. A espécie, já consagrada na culinária japonesa, está cada vez mais presente nas refeições nacionais por ser muito nutritiva, bem como ter fácil acesso e preço muitas vezes convidativo.

Rico em aminoácidos essenciais para o organismo, o ingrediente é capaz de reduzir altos níveis de colesterol e reforçar o combate a diabetes. Além disso, é uma boa fonte de proteína para vegetarianos e pessoas que pretendem reduzir o consumo de produtos de origem animal. Saiba mais sobre esses e outros benefícios do shimeji.

O que é shimeji?

Segundo informações da Associação Nacional dos Produtores de Cogumelos, shimeji é o nome de uma espécie de cogumelo comestível do gênero Pleurotus, cujo tipo pode variar entre branco e preto.

Como é cultivado?

A colonização do shimeji acontece da seguinte maneira: um composto rico em nutrientes é preparado para receber o fungo, geralmente contemplado com capim, bagaço de cana de açúcar, borra de café e serragem de madeira. Então, o material é ensacado junto com a matriz do cogumelo, como uma semente, que precisa estar em ambiente com temperatura, CO2 e umidade relativa do ar controlados.

Dependendo da espécie, a cultura pode ser colonizada por até seis meses antes de ser comercializada.

Shimeji x Shitake

As principais diferenças entre shimeji e shitake referem-se apenas ao sabor, à textura, ao preço e à oferta no mercado. O primeiro cogumelo é mais facilmente encontrado em feiras e supermercados do que o segundo, além de ter valor mais acessível.

Embora o sabor do shimeji seja mais suave do que o do outro fungo, quando o assunto são propriedades nutricionais, as diferenças são mínimas.

Propriedades

O shimeji é rico em vitamina B1, vitamina C, ferro, fósforo e potássio, componentes essenciais para qualquer fase da vida. Além disso, também é uma boa fonte de proteína vegetal e fibras.

A cada 70g é possível encontrar apenas 3,8 calorias, exceto quando preparado com manteiga, ingrediente que aumenta bastante o valor calórico da porção.

Tipos

A diferença entre o branco e o preto está apenas na escolha dos processos de cultivo.

O shimeji preto necessita de cuidados mais específicos do que o branco, como repouso de 75 dias em local fechado e climatizado a 15°C. O shimeji branco, por sua vez, não necessita de tanto controle no cultivo e, por isso, é o item mais acessível nas prateleiras dos mercados quando o assunto são cogumelos frescos.

Preto

Tem sabor e perfume mais acentuados e pode não ser agradável a qualquer tipo de paladar. Acompanha bem receitas com carnes e molhos.

Branco

Trata-se da opção mais popular em mercados e restaurantes. Sua consistência é fibrosa, mas macia, e seu gosto é sutil. Por aqui, já é tradição comê-lo na manteiga com shoyu.

Benefícios do shimeji

Prolonga a saciedade

Por ser rico em fibras, é um grande aliado da saciedade e da manutenção da saúde intestinal de quem o consome.

Melhora a imunidade

Quando há um bom aporte de fibras na alimentação, como é o caso do shimeji, a atividade intestinal e o metabolismo passam a funcionar melhor. Por consequência, a imunidade se beneficia positivamente.

Combate infecções

Em seu habitat natural, os cogumelos precisam de defesas antibacterianas e antivirais para sobreviver e, por isso, trazem parte desse aporte para quem os consome.

Mais massa magra

O shimeji é um item conhecido por quem busca fontes alternativas de proteína à mesa, especialmente vegetarianos e veganos, as quais proporcionam aumento de massa magra.

Combate diabetes

O alimento possui propriedades com potencial de reduzir níveis de açúcar no sangue, como fibras e polissacarídeos, de modo a representar importância vital no cardápio de pessoas com diabetes.

Shimeji engorda ou emagrece?

O consumo por si só não é capaz de engordar ou emagrecer, assim como qualquer outro alimento.

Embora cogumelos comestíveis tenham poucas calorias, é comum que seu preparo seja feito com manteiga, o que pode agregar características gordurosas ao prato.

Possíveis malefícios

Por ser um fungo, é indicado somente comprar shimeji certificado e com selo de inspeção. Além disso, é desaconselhável se aventurar colhendo fungos por aí.

Quem não deve comer?

O alimento é contraindicado para pessoas que possuem alergia a ele.

O produto Cogumelo Shimeji

Não possui seus valores informados na tabela nutricional da TACO.