Hortaliças » Naturais Salsa

Salsa serve para que? 6 benefícios dessa hortaliça que você precisa conhecer

[Salsa]
Fonte: Conquiste sua Vida

Quem é apaixonado por cozinhar, sabe que o segredo de uma boa comida está no uso dos temperos certos. São muitas opções interessantes de ingredientes: manjericão, alecrim, alho, cebola e hortaliças que fazem total diferença nos pratos.

Mas o que pouca gente sabe é que existem temperos que, além de saborosos, podem ser muito benéficos à saúde. Esse é justamente o caso da salsa: uma erva medicinal cheia de vitaminas, sais minerais e outras substâncias importantes para o corpo. Quer conhecer melhor esse tempero dos deuses? É só continuar lendo!

1. Salsa é rica em vitaminas A, C, E, do complexo B e antioxidantes

Muita gente não sabe, mas a salsa é uma planta medicinal rica em antioxidantes - em especial a luteolina, um tipo de flavonoide que além de antioxidante, também atua como anti-inflamatório. A salsinha também é um ingrediente rico em vitamina C, fortalecendo o sistema imunológico.

Por ser fonte de vitaminas do complexo B, a salsinha também auxilia na saúde dos sistemas nervoso, cardiovascular e digestivo (principalmente por conta da vitamina B2, também conhecida como riboflavina). Já a vitamina A é ótima para prevenir doenças relacionadas à visão, enquanto a E se destaca pela atuação antioxidante, inibindo o envelhecimento celular.

2. Por ser rica em ferro, salsinha ajuda a prevenir a anemia

Você sabia que a salsinha também é muito indicada para o tratamento da anemia? Isso porque ela tem alto teor de ferro - um dos principais componentes da hemoglobina, responsável pelo transporte de oxigênio pelo sangue. Uma boa dica é abusar nesse tempero quando for preparar o feijão e também outros pratos no dia a dia. A salsinha também é ótima para receitas de massas, risotos, carnes, molhos, omeletes e pratos com frutos do mar. Junto com a cebolinha, ela compõe o famoso "cheiro verde", tipo de tempero valorizado pela culinária brasileira.

3. Tempero é rico em ácido fólico, substância importante para a saúde do cérebro

Outra vantagem da salsinha é que ela possui ácido fólico, também conhecido como vitamina B9. Essa substância está diretamente ligada à saúde do cérebro, auxiliando no funcionamento dos neurônios e no tratamento da depressão e de outros problemas emocionais. Além disso, assim como outras vitaminas do complexo B, o ácido fólico também fortalece os cabelos, unhas e pele. Junto com a vitamina C, essa substância também contribui para a eficácia do sistema imunológico, mantendo o organismo fortalecido.

4. Salsinha atua como diurético, combatendo a retenção de líquidos

A salsinha também faz parte do grupo "alimentos diuréticos": com alto teor de água na composição, eles ajudam a reduzir inchaços pelo corpo, pois combatem a retenção de líquidos. Alterações hormonais, deficiências alimentares (carência de algum nutriente, por exemplo) e inflamações são problemas que podem ocasionar inchaços. Neste caso, é sempre bom recorrer à salsinha e a outros alimentos diuréticos, tais como o alface, cenoura e frutas suculentas, como o melão e a melancia.

5. Alimento possui propriedades anti-inflamatórias e detox

Sabia que dá para fazer sucos e chás detox a partir da salsinha? Isso porque esse tempero também conta com substâncias desintoxicantes. Uma boa dica é fazer uma receita com limão, salsinha, gengibre e algumas folhas, como couve e alface. Essa combinação resulta em suco detox supereficiente! Além disso, a salsinha ajuda a combater focos de infecções, atuando como anti-inflamatório natural.

6. Chá de salsa ajuda a amenizar desconfortos menstruais

Além de ser desintoxicante, rico em vitaminas e antioxidantes, o chá de salsa também ajuda a amenizar desconfortos menstruais. Isso porque a erva possui a substância apiol, responsável por regularizar o período de menstruação, além de atenuar sintomas da menopausa. Mas os benefícios desse chá não param por aí: ele também combate infecções bacterianas e alivia sintomas da asma.

Dica extra: Assim como a aloe vera ("plantinha milagrosa"), a folha de salsinha também pode ser aplicada diretamente na pele para tratar picadas de insetos e irritações na derme.

Tabela nutriconal porção de 100g

*Valores diários de referência com base em uma dieta de 2000 kcal ou 8400J. Seus valores diários podem ser maiores ou menores dependendo de suas necessidades energéticas.

Descrição Quantidade por porção %VD*
Valor energético 33Kcal=138kJ 2%
Carboidrato 5,7g 2%
- Açúcar Total - -
Proteína 3,3g 4%
Gorduras Totais 0,61g 1%
- Gorduras Saturadas 0,08g 0%
- Gorduras trans 0,00g -
- Gorduras Polinsaturadas 0,20g -
- Gorduras Monoinsaturadas - -
Fibra Alimentar 1,9g 8%
Sódio 2,3mg 0%
Cálcio 179mg 18%
Zinco 1,3mg 19%
Lipídeos 0,61g -
Magnésio 21mg 8%
Ferro 3,2mg 23%
Cobre 0,20mg 22%
Fósforo 49mg 7%
Potássio 711mg -
Cinzas 1,8g -
Manganês 1,9mg 83%
Retinol - -
Selênio - -
Vitamina B1 (Tiamina) 0,12mg 8%
Vitamina B2 (Riboflavina) 0,15mg 15%
Vitamina B3 (Niacina) 0,72mg 4%
Vitamina B6 (Piridoxina) 0,47mg 31%
Vitamina B9 (Ácido fólico) - -
Vitamina A - -
Vitamina C 52mg 115%
Vitamina E - -
Fonte: Taco